BLOG EDMIL

Pesquisar
Pesquisar

8 saladas diferentes para inovar na cozinha

Todos temos preferências em relação aos alimentos, certo? Acontece que, vez ou outra, surge aquela vontade de mudar um pouco a composição dos pratos. Uma forma simples de fazer isso é tirar proveito da variedade de produtos da feira ou do mercado pra montar saladas diferentes.

Elas funcionam como complemento das principais refeições, tanto em questão de nutrientes quanto de sabor. Inclusive, podem valorizar ainda mais os almoços e jantares das datas festivas, trazendo um toque de frescor e destacando a mesa por meio da mistura de cores e texturas.

Que tal se aventurar na descoberta de novas receitas pra surpreender o paladar? Confira as nossas sugestões e escolha as suas favoritas!

A importância de consumir saladas diferentes

Você já deve ter ouvido o famoso conselho dos nutricionistas para investir em pratos coloridos. A intenção desses profissionais é fazer com que as pessoas consumam uma maior diversidade de nutrientes, o que inclui carboidratos, proteínas, gorduras boas, vitaminas e minerais.

Se a variedade é importante, nada melhor que incluir saladas diferentes em seus preparos diários. Só esqueça a ideia de que elas precisam ter sempre a mesma cara. Mais que o tradicional mix de folhas, você pode apostar em combinações de legumes, verduras, carnes, queijos e até frutas!

A quantidade de ingredientes é tanta que dá pra provar um tipo por dia, até encontrar a opção mais gostosa. Também vale a pena testar as montagens na companhia das crianças, a fim de incentivá-las a experimentar novos alimentos com frequência. Isso só trará benefícios à saúde de toda a família.

As melhores receitas de saladas diferentes

saladas diferentes

A gente sabe que uma boa refeição pode transformar simples encontros em eventos memoráveis. Por isso, trouxemos uma lista recheada de preparos pra facilitar a sua decisão na próxima ida à cozinha. E não se preocupe porque tem produtos pra todos os gostos e desejos. Veja e anote!

1. Tabule de trigo

É uma receita perfeita pra quem busca saciedade por tempo prolongado, já que contém muitas fibras. Você vai precisar de:

  • 50 g de trigo para kibe;
  • 2 tomates;
  • 1 cebola;
  • 2 pepinos pequenos;
  • 3 colheres (sopa) de suco de limão;
  • 2 colheres (sopa) de azeite;
  • sal e pimenta-do-reino a gosto;
  • 1 maço de salsinha;
  • 1/4 colher (chá) de noz-moscada;
  • hortelã fresca.

Em uma panela ou vasilha, coloque o trigo e cubra-o com água. Deixe hidratar por 2 horas, depois lave em água corrente e escorra. Pique os demais ingredientes em cubinhos e junte ao trigo, misturando bem. Acrescente os temperos e leve tudo pra geladeira por 8 horas.

É uma das saladas diferentes mais refrescantes por levar limão e hortelã. Assim, tende a ser uma excelente escolha nos dias quentes.

2. Salada de milho com ricota

Para os apaixonados por queijos — alô, mineiros! —, essa opção não pode faltar no caderninho de receitas. Por ter pouca gordura, a ricota não deixa a salada pesada. Veja os ingredientes:

  • 2 espigas de milho cozido;
  • 2 tomates pequenos;
  • 1 cebola;
  • 6 colheres de sopa cheias de ricota;
  • sal, pimenta-do-reino, azeite, cheiro verde e vinagre a gosto.

Para preparar, comece retirando os grãos das espigas. Pique a cebola, os tomates e o cheiro verde pra juntar ao milho. Adicione os temperos e mexa bem, até incorporar os líquidos e conseguir um aspecto homogêneo. Finalize com a ricota em cubos e misture devagar, pra não quebrar muito o queijo.

Essa salada deve ficar na geladeira por, pelo menos, 30 minutos antes da refeição. Vale dizer que ela combina com vários pratos salgados por conta do sabor delicado da ricota.

3. Maionese verde

A tradicional versão com batatas pode receber uma cor diferente a partir da adição de cheiro verde. Que tal inovar com essa alternativa e encantar seus convidados? Confira os produtos:

  • 2 ovos;
  • 1 colher (sopa) de suco de limão;
  • 1 dente de alho moído;
  • 1 maço de salsinha picada;
  • 250 ml de óleo.

Bata os três primeiros ingredientes no liquidificador por 15 segundos e, em seguida, vá adicionando o óleo em fio. Quando atingir uma consistência cremosa, coloque a salsinha e deixe moer bem os raminhos.

Esse creme serve como base pras diferentes saladas de maionese. Uma dica é misturá-lo a batatas cozidas e completar o prato com ervilhas, picles ou azeitonas.

4. Pepino agridoce

Essa talvez seja a campeã da nossa lista de saladas diferentes pelo fato de ter um sabor adocicado. O segredo pra quebrar o excesso de açúcar é encontrar o nível certo de acidez. Saiba o que vai na mistura:

  • 4 pepinos japoneses em fatias finas;
  • 1 colher (sopa) de açúcar;
  • 1/2 colher (sopa) de sal;
  • 2 colheres (sopa) de água;
  • 3 colheres (sopa) de vinagre branco;
  • 1 colher (chá) de gergelim torrado.

O primeiro passo é dispor o pepino fatiado em uma peneira, salpicar o sal por cima e aguardar 5 minutos. Em seguida, lave as fatias em água corrente, espremendo pra tirar o excesso de sal, e reserve-as.

Pegue uma panela e leve ao fogo com o açúcar, a água e o vinagre. Assim que ferver, jogue essa solução sobre os pepinos e finalize com o gergelim. Você pode servir esse prato em temperatura ambiente ou bem gelado. ❄❄❄

5. Salada de rúcula e manga

Quer o equilíbrio perfeito do amargo com o doce? Então, você vai se apaixonar por essa receita simples. Ela cai bem com carne bovina ou suína em qualquer clima. Veja a lista de itens:

  • 1 manga não tão madura picada em cubinhos médios;
  • 1 maço de rúcula;
  • 20 tomatinhos cereja;
  • gergelim, azeite de oliva e sal a gosto;
  • queijo ricota ou de búfala;
  • azeite de oliva;
  • 2 colheres (sopa) de mostarda;
  • 2 colheres (sopa) de vinagre balsâmico.

Em uma vasilha, coloque a manga já cortada e tempere com a mostarda. Lave bem as folhas de rúcula e, assim que escorrer, disponha sobre papel-toalha pra tirar bem o excesso de água — isso vai evitar que a salada perca o sabor.

Misture a verdura aos tomates inteiros, ao queijo e ao gergelim, mexendo bastante. Finalize com regas de azeite e vinagre balsâmico, acertando o sal. Sirva logo em seguida pra preservar a crocância da rúcula.

6. Repolho roxo com hortelã

Mais uma sugestão deliciosa, sem contar que inclui produtos facilmente encontrados em qualquer região do Brasil. Você pode fazer com ou sem o frescor da hortelã, conforme preferir. Veja a lista de ingredientes:

  • 1 cenoura pequena crua e ralada;
  • 1 folha de couve-manteiga crua cortada em tiras finas;
  • 5 folhinhas de hortelã;
  • 10 colheres (sopa) de repolho roxo picadinho;
  • suco de 1 limão;
  • uma pitada de sal;
  • azeite de oliva a gosto.

Depois de cortar todos os legumes e verduras, é só misturar em uma vasilha e temperar do jeito que sua família gosta. Não se esqueça de selecionar uma louça bonita pra expor cada detalhe dessa combinação. O contraste de cores fica incrível nesse prato.

7. Salada tropical natalina

Se o objetivo é criar saladas diferentes com base em uma tema festivo, comece por esta opção inspirada nas principais cores do Natal: verde, vermelho e branco. Confira o que você vai precisar:

  • um maço de agrião;
  • meio maço de espinafre;
  • um maço de coentro;
  • 200 g de queijo feta;
  • 15 a 20 morangos maduros;
  • um punhado de castanha-de-caju;
  • sal, vinagre balsâmico e azeite a gosto.

Em uma tigela, adicione as folhas lavadas e os morangos cortados pela metade. Complete com as castanhas e o queijo picado em cubinhos. Tempere e misture bem tudo para que as tonalidades fiquem bem distribuídas. O ideal é servir essa salada em uma travessa transparente para mostrar que você usou a referência ao Natal.

8. Salada de grão-de-bico

Essa leguminosa tem conquistado o coração de muita gente por conta da sua versatilidade. Afinal, pode compor uma receita na airfryer em forma de petisco ou um prato refrescante de acompanhamento. Veja a segunda opção em detalhes:

  • 500 g de grão-de-bico;
  • 100 g de queijo minas frescal sem sal;
  • 1 linguiça calabresa;
  • 1 cebola grande;
  • 2 dentes de alho;
  • sal, vinagre e pimenta-do-reino a gosto;
  • 1 colher de sopa de azeite;
  • 1 colher de salsinha picada.

Essa é uma das saladas diferentes de preparo mais demorado, porque precisa do grão-de-bico hidratado por 24 horas. Procure sempre deixar a leguminosa imersa em água de um dia para o outro, pois assim você elimina substâncias indigestas e acelera o cozimento.

Após manter os grãos de molho, cozinhe até perceber que ficaram macios. Escorra e reserve em uma tigela. Pique a calabresa em rodelas, a cebola em tiras e o alho em pedacinhos, depois frite tudo no azeite e tempere. Adicione essa mistura aos grãos-de-bico e finalize com o queijo minas em cubos.

E aí, o que achou das nossas dicas? Já tinha provado alguma dessas combinações? Pense que, além de conter variedade de produtos frescos e naturais, as saladas diferentes podem incluir variedade de molhos, como o de iogurte, mel e mostarda ou pimenta. Tudo vale pra agradar a família e os convidados.

Ah, antes de ir, inscreva-se em nossa lista VIP pra receber atualizações sobre as melhores ofertas!

8 saladas diferentes para inovar na cozinha

Categorias

Leia também

Ofertas pra você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ofertas pra você