BLOG EDMIL

Pesquisar
Pesquisar

Como economizar energia: 6 passos para cortar gastos em casa

Ninguém gosta de perceber um aumento nas despesas do mês. A variação dos valores é comum nas contas de luz, tanto que sempre há pessoas interessadas em dicas de como economizar energia. Se você também precisa de uma ajudinha pra conter esses gastos, está no lugar certo.

Uma condição que afeta a disponibilidade desse recurso é a seca, pois ela reduz os níveis dos reservatórios de água. Isso exige o acionamento das usinas termelétricas, que produzem uma energia mais cara. Os custos adicionais, claro, são repassados ao consumidor.

A boa notícia é que dá pra diminuir os valores com algumas mudanças de hábito. Fique conosco e veja os mais importantes!

1. Priorize a iluminação natural

A radiação solar oferece boa quantidade de calor e luminosidade, portanto, deve ser aproveitada ao máximo. Tanto em dias limpos quanto nublados, vale a pena manter as janelas da residência abertas, sem cortinas nem mobílias bloqueando a passagem da luz natural.

Se você já tem esse costume e ainda quer saber como economizar energia, observe se as cores das paredes favorecem a distribuição da claridade que chega nos cômodos. Tons claros, como branco, creme e bege, são os mais indicados porque refletem melhor a luz.

Outra opção pra evitar o acionamento das lâmpadas é passar mais tempo nas áreas externas da casa. Quem tem jardim ou varanda, por exemplo, e consegue desfrutar desses espaços ao longo do dia, pode tirar proveito dos locais abertos pra exercer diversas atividades.

2. Invista em boas lâmpadas e dispositivos

como economizar energia

A iluminação artificial precisa ser eficiente, ou seja, atender às necessidades das pessoas sem gastos excedentes ou perda de desempenho. Pra atingir tal objetivo, você deve apostar em lâmpadas mais modernas, como as versões de LED.

Elas não aquecem o entorno e demandam menos energia que os modelos antigos, sem contar que podem emitir diferentes cores e intensidades de luz. O investimento compensa a longo prazo, já que a redução no valor da conta será perceptível todos os meses.

Além de trocar as lâmpadas, considere a adoção de dispositivos que promovem um uso mais eficiente da eletricidade. Bons exemplos estão nos dimmers que regulam o nível de claridade dos cômodos, bem como nos sensores de presença, que só acionam a luz quando há movimento no local.

3. Cuide do estado dos eletrodomésticos

Outro ponto de atenção sobre como economizar energia tem a ver com o funcionamento dos aparelhos e sistemas que dependem de eletricidade. Há muitos deles em casa, por isso, você precisa ficar de olho em possíveis danos que afetam o desempenho.

Pelo modo de uso, a geladeira é um dos eletrodomésticos que mais consomem energia elétrica. O abre e fecha constante e o armazenamento de alimentos quentes são práticas que aumentam o gasto de eletricidade, embora existam detalhes pouco observados pelos moradores.

Um deles é o estado da borracha de vedação, que determina se a porta ficará bem fechada ou com frestas. Se houver alguma folga, a chance de o ar quente entrar no equipamento aumenta, necessitando de mais trabalho e gasto energético pra resfriar a parte interna.

Então, seja exigente quanto à condição de todos os eletrodomésticos, desde o micro-ondas até o ar-condicionado. Ao perceber qualquer alteração, não hesite em fazer uma análise com um profissional de confiança, que poderá reparar ou substituir peças.

4. Tire os aparelhos da tomada

Muita gente ignora as luzes acionadas quando os aparelhos estão em modo stand-by. Elas ficam acesas mesmo com os equipamentos fora de uso, e o grande problema é que também demandam um pouco de energia pra apresentar cor e brilho constantes.

Imagine, então, o consumo gerado por vários eletrônicos que permanecem em espera e conectados à rede? Pode ter certeza de que essa soma fará diferença no fim do mês, afetando o valor da sua conta de luz. A saída pra evitar tanto aumento é criar o hábito de tirar tudo da tomada.

Mesmo os apetrechos que não emitem luz merecem atenção. É o caso, por exemplo, do carregador de celular ou de notebook. São componentes que só devem ser mantidos em contato com a rede elétrica durante a recarga das baterias para evitar desperdício.

5. Diminua a temperatura e o tempo no banho

O chuveiro sempre tem destaque entre as dicas de como economizar energia. Afinal, é um item que costuma ter potência muito alta. Uma boa forma de diminuir os impactos dele na conta de luz é reduzir a temperatura e controlar o tempo total dos banhos.

Converse com toda a família e explique a importância do consumo consciente. Peça que colaborem e fiquem, sempre que possível, menos tempo com o chuveiro ligado. Quando o clima estiver muito quente, a posição “verão” tende a ser a mais indicada.

Outras práticas que podem otimizar o funcionamento da ducha e conter gastos são:

  • manter as saídas de água limpas e livres de obstruções;
  • preferir banhos fora dos horários de pico de consumo (antes das 18h e depois das 21h);
  • nunca reaproveitar uma resistência queimada.

6. Troque os aparelhos muito antigos

Aprender como economizar energia também passa pela necessidade de substituir os equipamentos que não cumprem mais sua função com êxito. Mesmo que não tenham danos visíveis, muitos itens velhos podem acabar gerando um consumo elétrico excessivo na sua casa.

Então, faça uma análise de tudo o que possui nos cômodos e considere a troca dos mais antigos. Os modelos atuais já são desenvolvidos de modo a usar menos eletricidade, sem que isso gere perdas no desempenho e na qualidade dos sistemas.

Um ótimo guia para encontrar aparelhos econômicos é o Selo Procel, disponibilizado em todos os produtos das lojas. Ele orienta o índice de eficiência energética de cada categoria (sendo a letra A a melhor classificação) e pode ser útil aos consumidores com dúvidas.

Agora você sabe como economizar energia de várias formas e pode repassar as dicas às pessoas do seu convívio. Com o dinheiro poupado, a família conseguirá fazer novos planos, viver com tranquilidade e realizar sonhos que dependem da organização financeira.

Se você gostou deste conteúdo, assine a nossa newsletter pra receber as próximas dicas por e-mail.

Como economizar energia: 6 passos para cortar gastos em casa

Categorias

Leia também

Ofertas pra você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ofertas pra você