BLOG EDMIL

Pesquisar
Pesquisar

Entenda a diferença entre inox e evox

Quando o assunto é eletrodoméstico, os revestimentos metálicos ganham destaque por agregar um visual mais sofisticado aos ambientes. Duas alternativas comuns ao tradicional branco são o inox e evox. Você já deve ter visto essas opções nas lojas e, inclusive, se perguntado sobre as diferenças existentes.

Ambos são muito usados em produtos domésticos, compondo desde equipamentos maiores, como geladeiras e máquinas de lavar, até eletroportáteis — batedeiras, liquidificadores, fritadeiras elétricas etc. Apesar da semelhança estética, existem particularidades a serem consideradas na escolha do material.

Pra te ajudar, fizemos um comparativo entre as características de cada um deles. Acompanhe e encontre o seu favorito pra montar a cozinha do jeito que sempre sonhou!

Quais são as diferenças entre inox e evox?

Tudo começa pela composição química dos acabamentos. O inox é um tipo de aço que não oxida, porque recebe uma camada fina de crômio que se funde a ele e resulta em placas impermeáveis. Já o evox consiste em uma chapa de aço comum revestida com zinco e uma película de resina para evitar a ação de agentes corrosivos.

A mistura variada de materiais na indústria faz com que os revestimentos se comportem de formas distintas. Veja abaixo os detalhes mais importantes.

Aspecto visual

É fácil diferenciar os revestimentos a partir da coloração. O inox é um cinza-claro brilhante, parecido com a prata. Muita gente valoriza essa aparência na decoração da casa, principalmente quando a intenção é obter uma estética moderna e até mesmo futurista.

O evox tem um tom de cinza-escuro que lembra o chumbo. Ao contrário do inox, ele apresenta efeito fosco que deixa o acabamento mais sóbrio e elegante. Por conta disso, pode agradar as pessoas que preferem algo discreto e não curtem tantos elementos cintilantes.

Resistência

inox e evox

Os eletrodomésticos de inox e evox têm camadas que protegem o aço contra substâncias corrosivas, como a água e o oxigênio. A diferença é que o primeiro material se torna uma liga metálica resistente à oxidação desde o processo de fabricação, pois trata-se de uma peça única.

O evox, por outro lado, depende da preservação das camadas extras para que não perca sua proteção. Isso significa que, se a parte externa for danificada com riscos ou desgastes, o aço natural ficará exposto e poderá corroer. Em todo caso, se os devidos cuidados forem tomados, a resistência passa a ser igual.

Durabilidade

A vida útil também é parecida graças às características acima. Como ocorre com vários produtos, a conservação vai depender do modo de uso e da manutenção de cada eletrodoméstico. Isso inclui a forma como você limpa e manipula e até os estabelecimentos onde manda consertar os componentes que, eventualmente, apresentam algum defeito.

Vale dizer que o evox demanda mais atenção justamente por conter aço comum em seu interior. Ou seja, é preciso prevenir danos à pintura ou verniz de fora e à película que reveste o metal. Cuidando da maneira certa, você pode manter o eletrodoméstico intacto por muitos anos.

Variedade de modelos

O inox está há mais tempo no mercado, portanto, é normal que faça parte da composição de boa parte dos produtos com acabamento metálico. Você encontra ampla variedade de eletrodomésticos desse material. Em um fogão cooktop, por exemplo, ele se torna uma alternativa ao vidro por resistir bem ao calor.

O evox, apesar de ser um acabamento mais recente, também pode ser encontrado em muitos produtos de uso doméstico. Em caso de dúvidas, observe a coloração da mercadoria, verifique a ficha técnica ou pergunte sobre o material ao vendedor responsável.

Limpeza

Os eletrodomésticos de inox e evox são fáceis de limpar porque trazem esses materiais sem nenhuma ranhura ou relevo. A ausência de textura facilita a higienização das superfícies, otimizando a rotina dos moradores. Na maioria dos casos, basta passar um pano úmido seguido de uma flanela para secar.

É importante destacar que tanto o aço inoxidável quanto o comum perdem um pouco da resistência quando colocados em contato direto e frequente com produtos fortes. Assim, a dica é evitar ao máximo as fórmulas que contêm cloro, água sanitária e alvejantes durante a limpeza.

Sustentabilidade

Tanto o inox quanto o evox podem ter durabilidade prolongada, o que evita o descarte e a substituição dos produtos tão cedo. O meio ambiente agradece e você ainda garante eletrodomésticos conservados por bastante tempo. O bom é que esses acabamentos são atemporais e combinam com várias tendências de decoração.

O aço inox tem pontos extras que colaboram para a sustentabilidade: ele pode ser 100% reciclado e não perde suas propriedades originais nesse processo, sem contar que é quimicamente seguro. Portanto, caso seja descartado na natureza por algum descuido, não vai liberar tinta nem outros poluentes.

Valor no mercado

O preço dos eletros de inox ou evox varia muito, de acordo com o tipo de produto e até da loja. O fato é que esses acabamentos metálicos costumam ser mais caros que as versões brancas.

Cabe ao consumidor levantar suas preferências pra decidir sobre o modelo. De qualquer forma, mais que pensar no preço de compra, reflita sobre o custo-benefício de cada material a partir do estilo de vida da família. Isso fará com que o investimento compense a longo prazo.

O que considerar na escolha do eletrodoméstico?

Se o efeito metálico está entre suas prioridades, você já deu um ótimo passo na pesquisa por produtos. A próxima etapa é retomar as características de cada material disponível pra identificar aquele que trará mais vantagens ao seu dia a dia.

A tonalidade do eletrodoméstico, por exemplo, é fator determinante na escolha entre inox e evox. Isso significa que, pra uma pessoa que faz questão de trabalhar com uma paleta clara ou escura, a dúvida se resolve em questão de minutos. Basta definir o estilo da cozinha pra acertar no acabamento.

Um indivíduo que prioriza a praticidade, por outro lado, deve ficar atento à questão da resistência do material. Nesse caso, o inox tende a ser indicado por ser menos suscetível a danos causados por impactos externos. Ele possibilita usar e limpar o eletro com mais tranquilidade.

Perceba que o caminho até o produto ideal depende muito das necessidades de cada consumidor. Sendo assim, faça uma análise criteriosa e procure uma loja de móveis e eletrodomésticos de confiança, que ofereça variedade de modelos e condições atrativas. Pode seguir esse caminho que não tem erro!

Será que conseguimos responder aos principais questionamentos em torno do inox e evox? Algo que ajuda na escolha é discutir as possibilidades com outras pessoas do seu convívio. Nessas interações, você acaba revisando detalhes que poderiam passar despercebidos na avaliação dos produtos.

E por falar em eletrodomésticos, que tal aproveitar pra conhecer os modelos da Lojas Edmil? Acesse o nosso site!

Entenda a diferença entre inox e evox

Categorias

Leia também

Ofertas pra você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ofertas pra você